Revista Feminina, volume 42

Home » Artigos Científicos » Revista Feminina, volume 42

Nesta edição da revista Feminina (Febrasgo), no início de 2014, Dra Sofia Andrade foi co-autora do artigo: “Complicações fetais na Gemelaridade Monocoriônica: quadro clínico, fisiopatologia, diagnóstico e conduta”.

Resumo

A incidência de gemelaridade monocoriônica é de um para cada duzentos e cinquenta gestações. A placenta monocoriônica está relacionada a maior risco de complicações gestacionais, como transfusão feto-fetal, restrição seletiva do crescimento fetal, óbito fetal e gêmeo acárdico. Portanto, a avaliação criteriosa da corionicidade, o monitoramento da gestação e a detecção precoce de complicações são fatores importantes para melhorar o desfecho neonatal. Assim, o objetivo deste estudo é descrever as principais complicações fetais da gestação monocoriônica e qual deve ser a conduta obstétrica diante das diversas situações adversas. Foi realizada uma revisão de literatura dos últimos 28 anos, nas bases de dados MEDLINE/Pubmed, Scielo, LILACS e BIREME, sendo encontrados 401 artigos. Dentre estes, 28 estudos foram selecionados para esta revisão.

  • Autores: Sofia Andrade de Oliveira e J. Elito Junior.
  • Publicação: “Feminina”, Revista da Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo).
  • Volume: 42
  • Número: 2
  • Páginas: 95 – 100
  • Publicação: Janeiro/Fevereiro 2014
  • Link para o artigo:
  • http://files.bvs.br/upload/S/0100-7254/2014/v42n2/a4801.pdf
Menu
WP Tumblr Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Abrir chat
Preciso de ajuda?
Olá,
Posso te ajudar?